sábado, 22 de abril de 2017
Título original: O Doce Veneno do Escorpião: O Diário de uma Garota de Programa
Autor: Bruna Surfistinha
Editora: Panda Books
Ano: 2005
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Antes de qualquer coisa tenho que fazer algumas umas considerações: tentei ler sem julgar em momento algum, tentei deixar a hipocrisia de lado e sabendo de ante mão que se tratava de uma biografia de uma ex-garota de programa. Ufa!!!

É muito difícil não julgar e é ainda mais complicado não ser hipócrita, pois vivemos numa sociedade machista onde a mulher é sempre culpada e o homem está apenas fazendo o seu papel de macho. MENTIRA!!! 

Não sou “feminista” acho melhor ser feminina... algumas feministas são um porre, desculpe, mas tenho a sensação que elas querem serem homens e não ter direitos iguais. Já estou fugindo do assunto, concluindo, o mundo seria melhor se os homens respeitassem as mulheres, um respeito sem precedentes, não importando a atitude, a vestimenta e a personalidade da mulher, apenas respeito. 

Por último, se uma mulher lhe disser não a um homem, é porque ela não quer, simplesmente aceite que essa mulher não é pra você menino, procure uma que se adeque a sua personalidade, entendeu?

Depois do meu desabafo, voltemos a Bruna, bom, a menina tinha 17 anos quando resolver fugir e se tornar uma garota de programa. Me diga o que uma garota nesta idade sabe da vida? Que experiencia ela tem para fazer escolhas que vão afetar toda a sua existência? Respondo: nenhuma. Não me diga que as garotas amadurecem mais cedo e blá, blá, blá. Simplesmente ela não tinha base para fazer tal escolha.

Outros vão dizer que ela gostava de sexo e por isso… E por isso nada, gostar de sexo não qualifica ninguém para fazer uma escolha desta magnitude. Até aonde sei qualquer pessoa que tenha experimentado uma sexo de qualidade com um parceiro generoso que saiba dar e receber prazer vai gostar de sexo, nem precisa ter muita experiente.

Vamos deixar o tabu e a hipocrinia de lado e vamos falar a verdade: sexo é bom! Exatamente, tenho a sensação que no caso da Bruna foi isso, ela gostava sexo e achava que era a única coisa que ela poderia fazer bem, e é neste momento que a falta de experiencia se faz presente, se ela tivesse tido a oportunidade de vivenciar outras coisas, talvez tivesse feito outras escolhas.

Sobre o sexo descrito no livro, não achei nada de mais, já li histórias muito mais picantes e hots. A naturalidade com que ela descreve os programas me pareceu coerente, pois pra ela era natural, seu trabalho exigia tal comportamento. E o linguajar corresponde ao ambiente em que ela vivia, não entendi porque as pessoas acharam tão chulo.

E outra coisinha, sei que tá ficando longa mais não posso deixar de mencionar, li uma resenha de uma nobre coleguinha que disse estar indignada porque a Bruna roubou o marido de outra. Querida, você e a ex-esposa deveriam ficar indignadas com esse homem que mesmo tendo uma esposa em casa, vai procurar uma garota de programa. Um homem de verdade se separa, depois vai procurar as profissionais. Me poupe!!!   

Não posso deixar de mencionar seus pais ou melhor, dar um concelho para aqueles que adotam, nunca, nunca deixe de dizer a verdade ao seu filho do coração, desde sempre diga a verdade: que você teve a oportunidade e a felicidade de escolher ele como filho, que o ama e que não tem a mínima importância se ele não é seu filho geneticamente, que seu amor por ele é maior que essa bobagem de genética.       

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Bruna Surfistinha é a principal personalidade da internet brasileira hoje em dia. Seu blog é visitado diariamente por quase 15 mil internautas que se deliciam com os relatos picantes dos programas que ela faz com homens, mulheres e casais em seu flat. Todos os programas (que podem chegar a seis num dia!) são descritos e Bruna ainda criou uma cotação para o desempenho do cliente. Bruna conta também em detalhes as festas que participou em clubes de swing. Sem medo de mostrar a cara, a garota de programa foi entrevistada em emissoras de rádio, programas de TV e revistas de circulação nacional. Só que muitas histórias ficaram guardadas e só são reveladas agora em O Doce Veneno do Escorpião. Você vai conhecer detalhes reveladores da menina de classe média alta que trocou os finais de semana com a família no Guarujá para se prostituir aos 17 anos. O livro traz ainda um diário secretíssimo de Bruna Surfistinha, com as histórias mais ousadas que ela não teve coragem de publicar no blog. O diário, com 36 páginas negras, vem lacrado. Por fim, Bruna também dá pequenas lições para uma mulher de como conquistar o homem - e jamais perdê-lo para uma garota de programa.
quarta-feira, 12 de abril de 2017
Título original: The Cowboy’s Baby
Título: Luz do Coração
Autor: Patricia Thayer
Tradução: Marconi Leal
Editora: Harlequin
Ano: 2010
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Nossa!!!!!!!!!!!!!!!

Quantos desencontros, quanto sofrimento, cheguei a pensar por um segundo que não teria um final feliz, mas aí lembre: é um romance. 

Penso que o grande mal da humanidade é a falta de comunicação, e neste romance fica claro o que pode acontecer, com um casal que se ama, mas perde a capacidade de se comunicar, perdendo assim, a oportunidade de expressar seus sentimentos um para outro. 

É uma situação muito, mas muito triste.

No final o desespero era tão grande, que os conduziu a uma situação onde a única possibilidade era dizer a verdade, expressar definitivamente seus sentimentos.

Ainda bem, pq estava difícil ter esperança diante de tanto sofrimento.

Ufa!!!!!!!!

Final Feliz!!!!

Recomendo!!!!



Contra Capa:

Kira iluminou a vida de Trace McKane quando disse “sim” no altar. Mas o bebê não chegava... e acabaram perdendo o vinculo precioso que os unia. Nos últimos tempos, ela se importava somente com a lista de adoção. Não era mais a mesma pessoa... tinha segredos, não o amava mais... e agora queria que fingissem estar juntos e felizes, tudo pela adoção! Trace não entendia o que havia acontecido, e sofria por saber que era tarde demais para salvar o casamento... Mas seria tarde demais também para acreditar em milagres?
sábado, 8 de abril de 2017
Título original: The Courtsphip Of Izzy McCree
Título: Uma Nova Vida
Autor: Ruth Langan
Tradução: Ieda Moriya
Editora: Harlequin/Nova Cultural
Ano:1998
Comprar: Infelizmente só nos sebos


Resenha: 

Uma belíssima história de uma jovem órfã e inocente, mas com muita coragem para viajar da Pensilvânia, leste dos Estados Unidos, para as montanhas de Nevada, oeste americano. Acreditando que no meio do nada iria encontrar uma família pronta e esperando ser amada por ela, onde ela também encontraria amor.  

A principio Isabella só encontra rejeição. Matt Prescott não está esperando e não queria uma nova esposa ou uma mãe para quatro seus filhos.O ex-combatente do exército e domador de cavalos é amargurado, desiludido e rustico. Matt não quer arriscar, depois de sofrer horrores com a primeira esposa, ele quer criar os filhos sozinho.

Mas quis o destino mudar o rumo de sua vida, claro que com a ajudinha de Aaron o filho mais velho. Na realidade todos querem ser amados, e com o tempo o que era apenas uma conveniência se torna uma grande paixão.

Como todo bom romance, teremos vários obstáculos que parecem ser intransponíveis, mas com muito amor e paciência, tudo acaba se ajeitando. E assim, a família pode gradativamente aumentar a cada primavera.    



Contra Capa:

O caminho para o coração de uma mulher...

América do Norte, 1880.

Isabella McCree queria ser amada. Por isso, trocou a existência solitária no Leste pela vida numa cabana nas montanhas com um marido de encomenda e seus filhos. Mas conseguiria superar seus segredos e tornar-se uma esposa de verdade?

Dedicado à arte de criar quatro filhos e domar cavalos selvagens, Matt Prescott já não sabia como cortejar uma mulher. Muito menos alguém como Isabella, linda e tímida. No entanto, em seus olhos azul-esverdeados viu força e sofrimento e soube que, de algum modo, encontraria o caminho para o coração daquela mulher!
quinta-feira, 30 de março de 2017
Título original: Velvet Night
Título: Suave é a Noite
Autor: Jo Goodman
Editora: Nova Cultural
Ano: 2008
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Este livro me surpreendeu de uma forma extremamente agradável. Quem me acompanha ou me conhece, sabe que, ultimamente, tenho um grande receio de romances históricos. Digamos, que minhas experiências com esse gênero tenha sido horrível.

Bem, com esta história as coisas foram totalmente diferentes, já nas primeiras páginas, no prólogo, fiquei muito animada. Pois, o enredo tinha fundamento e era muito bem elaborado. Mas como gato escaldado tem medo de água fria, resolvi esperar pra ver o que iria acontecer...

E para minha surpresa, o romance só melhorou. Cenário maravilhoso, personagens cativantes é tipo de história que você não quer parar de ler até chegar ao final. Devo mencionar que apesar de ter mais de 300 páginas, que são essenciais para desenvolvimento do enredo, o texto não é cansativo, pelo contrário.

A sinopse pode enganar, mas, não totalmente, pois, descreve a história de forma simplista, coisa que o livro não é. Não se deixe enganar, pois o texto é criativo e envolvente. Cheio de aventuras, sequestros, mortes, paixões e reviravoltas surpreendentes.

Já sei, faltam detalhes, mas tenho medo de estragar a leitura, porque tenho certeza que vou acabar revelando algo que não deveria, se começar a falar algo sobre os personagens.

Com certeza recomendo a leitura deste livro surpreendente e maravilhoso, que merece 1000 estrelinhas. Não perca tempo, vai ler este livro, porque vai valer à pena, cada segundo gasto para devorá-lo.

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Desde criança, Kenna sempre acreditou que Rhys Canning fosse o responsável pela morte de seu pai. Em busca de vingança, ela está determinada a forçá-lo a confessar a verdade. Entretanto, no momento em que se depara com Rhys, depois de tantos anos, Kenna fica sem ação, fascinada diante daquele homem atraente e carismático, de olhar penetrante e sedutor.... E tudo o que ela consegue fazer é entregar apaixonadamente seu coração... Seria melhor Rhys não ter reencontrado aquela jovem tão linda e provocante. Durante anos ela povoou seus sonhos e pensamentos, e agora é chegada a hora de compensar isso. Ele já esperou tempo demais para deixar escapar a oportunidade de tê-la em seus braços, e esta será a noite perfeita para realizar um desejo há muito adormecido.... Mas ele não pode revelar a verdade a Kenna sem por em risco sua importante missão...
quarta-feira, 22 de março de 2017
Título original: La Rose Et Le Glaive
Título: A Rosa e o Gládio
Autor: Alberto Uderzo
Tradução: Gilson Koatz
Série: Asterix
Editora: Record
Ano: 1991
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

É muita fofura junta… é a primeira história em quadrinho que leio da série Asterix e me apaixonei completamente. Mas antes vamos nos situar: a história se passa no ano 50 antes de Cristo. E toda a Gália foi ocupada pelo exército romano. Menos uma aldeia povoada por uns tais de gauleses que ainda resistem bravamente aos invasores romanos.

Como é a minha primeira vez acho válido destacar alguns personagens, vou transcrever as descrições que estão no próprio livro: 

Asterix é o herói das aventuras gaulesas. Pequeno guerreiro de espírito sagaz e inteligência viva, aceita sem vacilar as missões perigosas que lhe são confiadas. A força sobre humana de Astérix vem da poção mágica do druida Panoramix.

Obelix é o amigo inseparável de Asterix. Profissão: entregador de menires. Adora javalis e boas brigas. Obelix está sempre pronto a largar tudo para acompanhar Asterix em novas aventuras. Seu grande amigo é Idéiafix, um cãozinho incrível, conhecido por ser defensor da natureza e por ganir desesperadamente quando vê uma árvore sendo derrubada.

Nos próximos volumes vou continuar a descrever os personagens.  

Bom, A Rosa e o Gládio é a história típica de guerra dos sexos, quando uma aldeã contrata uma barda para dar aulas aos pequenos, só isso já causa o maior reboliço, mas a moça além do mais é uma feminista de carteirinha, que acaba incentivando as mulheres da aldeia a ficarem contra os seus homens.

Para piorar, os romanos observando o cavalheirismo gaulês: de nunca bater em uma mulher, se aproveita desta situação cultural, cria uma legião formada por apenas mulheres. Acreditando que assim poderá derrotar os gauleses de uma vez por todas. Será?

RECOMENDADÍSSIMO!!!        



Contra Capa:

Há uma revolução na Aldeia de Asterix! Maestria, uma bardo feminina, incentiva as suas irmãs gaulesas a dizer não à tirania masculina. A revolta instala-se, as aldeãs usam calças, e a Naftalina quer ter assento no Conselho da Aldeia. Até o exército romano submete as suas legiões às regras da paridade…

A lendária galanteria gaulesa posta à prova, vista por um Albert Uderzo mais inspirado do que nunca!
sábado, 18 de março de 2017
Título original: Dangerous
Título: Perigoso
Autor: Diana Palmer
Tradução: Gracinda Vasconcelos
Série: Homens do Texas 44
Editora: Harlequin
Ano: 2012
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Obvio que é muito difícil se recuperar de uma tragédia, mas é preciso fazer a dor diminuir e prosseguir vivendo e até mesmo ser feliz outra vez. 

Apesar de Kilraven ser um ogro em alguns momentos não consigo ficar brava com ele, sempre lembro a tragédia que ele viveu. Ele tem qualidades, mas isso não impediu de ser lentinho. Demorou uma eternidade pra recobrar a razão, uma lentidão de meses, quase transformou o romance num verdadeiro suspense. 

Acho que Winnie foi perfeita não ficou intimidade com a personalidade impiedosa e dominadora de Kilraven, não implorou pra ele ficar com ela e também não se fez de vítima. Apenas amou-o, disse a verdade e esperou dando seguimento a sua própria vida.

Claro que ela esperou que Kilraven curasse suas feridas e voltasse pra ela. Ficou torcendo e desejando que ele também a amasse.

Agora se você quer saber porque o perigoso e gostosão Kilraven tem fantasmas e uma tragédia em sua vida é preciso ler o livro. Então, não perca tempo!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Perigoso


Um mistério poderá ser desvendado no coração do Texas…

Alto, esguio e muito cabeça-dura, o agente do FBI Kilraven tem suas próprias regras. E uma delas é manter suas mãos longe de Winnie Sinclair, a queridinha de Jacobsville, apesar de se sentir muito tentado. Tímida e inocente, ela não conseguiria se ajustar a um homem como ele, impiedoso e condenado pelo passado. E naquela cidadezinha, além de morar a mulher que ele lutava para resistir, também poderia encontrar as respostas para um caso arquivado cuja importância era bem pessoal… Winnie também já sofrera bastante, por isso compreendia a dor de Kilraven. Apesar de querer negar, sentia-se conectada a ele. Enquanto unem forças durante uma investigação perigosa, os desafios se tornam cada vez maiores. A vida de Winnie está sob ameaça, e ela vai precisar de Kilraven mais do que nunca. Porém, se quiserem ter um futuro juntos, ele terá de enfrentar seu passado e arriscar tudo em nome do amor.



Obs.: Se você quer saber mais sobre a autora Diana Palmer e seus livros entre no blog: 
http://su-romanticgirl.blogspot.com.br/  da "Suelen Mattos" a nossa especialista em Diana Palmer aqui no Brasil.
domingo, 12 de março de 2017
Título original: Pollyanna
Autor: Eleonor H Porter
Tradução: Monteiro Lobato
Ilustrações: Cecília Esteves
Série: Pollyanna 01
Editora: Companhia Editora Nacional
Ano: 2003
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

É uma das histórias mais singela que tive o prazer de ler. Pollyanna é uma garotinha de 11 anos que se vê órfão depois do falecimento do pai. Como sua mãe também já era falecida, a menina é enviada para a única parente viva, a tia Polly.

Antes de sua vida virar de cabeça para baixo, a garotinha havia sido incentivada a criar um mecanismo para vivenciar o melhor da vida, com entusiasmo, otimismo, positividade e amor. Cada situação por pior que pareça deve ser olhada com positividade, podemos tirar o melhor de cada situação por mais triste e bizarra ela seja, foi desta forma que Pollyanna aprendeu encarar a vida.

Assim sendo, mesmo vivendo com uma tia amargurada e irascível, Pollyanna continua jogando o seu amado Jogo do Contente. E com esse entusiasmo a pequena garotinha vai transformando as pessoas que com ela convivem. Até mesmo a chatíssima tia Polly vai se tornando uma pessoa melhor.

Pollyanna é um refresco e uma dadiva, para o mundo que vivemos seria uma benção, mas será que a pequena conseguiria transformar as pessoas do nosso tempo?  

RECOMENDADÍSSIMO!!! 



Contra Capa:

Pollyanna

A pequena Beldingsville, uma típica cidadezinha do início do século XX na Nova Inglaterra, Estados Unidos, nunca mais seria a mesma depois da chegada de Pollyanna, uma órfã de 11 anos que vai morar com a tia, a irascível e angustiada Polly Harrington. Por influência da menina, de uma hora para a outra tudo começa a mudar no lugarejo. Tia Polly aos poucos torna-se uma pessoa melhor, mais amável, e o mesmo acontece com praticamente todos os que conhecem a garota e seu incrível "Jogo do Contente". Uma otimista incurável, Pollyanna não aceita desculpas para a infelicidade e empenha-se de corpo e alma em ensinar às pessoas o caminho de superar a tristeza.

Pollyanna é uma história sobre amor, a amizade, e, sobretudo, sobre o surpreendente poder de transformação que os jovens e as crianças podem ter, sem se dar conta.



Sinopse:

Pollyanna, de Eleanor H. Porter, é um clássico da literatura infanto-juvenil. Escrito em 1912, foi inicialmente publicado em capítulos no jornal “Christian Herald, de Boston. Ganhou forma de livro em 1913 e de imediato tornou-se um best seller. Traduzido em quase todas as línguas, nunca mais parou de ser lido. Levado às telas pela primeira vez um 1920, foi refilmada muitas vezes, inclusive pelos estúdios Disney. Quando a razão dessa carreira fulgurante? Embora seja um romance d mais pura tradição sentimental, é a personagem central, Pollyanna, que o torna inesquecível. A garotinha irreverente, atrevida, curiosa e, sobretudo, imbatível otimista tornou-se um marco na galeria de protagonista que se eternizaram na história da literatura. Com sua visão peculiar da vida e seu famoso “Jogo da Contente”, Pollyanna transmite preciosas lições de coragem, perseverança e bom humor e por isso conquistou e continua conquistando o coração dos leitores.

No Brasil, a primeira edição da Companhia Editora Nacional é de 1934, em primorosa tradução de Monteiro Lobato. Publicado na Coleção das Moças, com a surpreendente tiragem, para a época, de 15 mil exemplares, também em nosso país o romance nunca mais parou de ser lido, relido e recomendado. Como a Emília de Lobato, personagem com a qual, aliás, Pollyanna guarda certa identidade de caráter, a heroína criada há 90 anos permanece atual e com fôlego para durar mais outro século.
sábado, 25 de fevereiro de 2017
Título original: The Bride Arrangement
Título: O Paraíso Em Teus Braços 
Autor: Cindy Gerard
Editora: Nova Cultural/Harlequin Book 
Ano: 2001
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Amei, amei, amei...

A história é uma delícia, linda... o mocinho e a mocinha são fofos… e nos dá a amostra de que quando se ama de verdade você faz a vida do outro melhor, procura realizar todos os sonhos do outro, não pensa em si mesmo, se o outro está feliz, já te faz feliz, é sempre o outro, mas quando esse outro também te ama, tudo ainda fica melhor

Mesmo que a insegurança tente atrapalhar, o amor consegue ser muito mais forte mais forte. Maravilhoso!!!

Só uma coisa me deixou chateada, sempre tem uma coisa que me deixa irritada, incrível! Bom, o que acontece com essas pessoas que fazem as sinopses ou resumos dos livros, principalmente aqueles que veem na contracapa? Essas pessoas simplesmente não leem o livro, e elas se baseiam no que então? 

Não é possível! Quando li a sinopse deste livro, pensei em não ler, fala de um mocinho prepotente e egoísta. Estou procurando até agora o cara e graças a Deus não encontrei.

Um absurdo, pois o mocinho e maravilhoso, apaixonado e quer fazer tudo por sua amada, não é nada egoísta nem um segundo.

Apesar do resumo idiota, está história merece ser: 

RECOMENDADÍSSIMO!!!

ADORO!!! 



Contra Capa:

A noiva virgem 

Lee Savage foi para Montana para reivindicar o que lhe pertencia: a Fazenda Shiloh e uma noiva virgem. Lee vira Ellie nascer, e a promessa que fizera ao pai dela os uniria para sempre.

O sentimento de Ellie por Lee brilhava em seus olhos inocentes, mas, para Lee, casamento não significava amor. E, enquanto Ellie estava curiosa e ansiosa para conhecer os mistérios da paixão, Lee relutava em admitir que correspondia aos anseios da esposa.

A inquietação que afligia Lee, as emoções que o dominavam e atormentavam seriam apenas o senso de dever... ou poderiam significar... amor?
quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017
Título original: Where Rainbows End
Título: Simplesmente Acontece
Autor: Cecelia Ahern
Tradução: Amanda Moura da Silva Santos e Ivan Panazzola Junior
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha: 

Se já não bastasse estar mega sentimental ainda resolvo ler Simplesmente Acontece, um livro que fala sobre amizade, ciúme, conquistas, amor, desilusão, alegrias, surpresas e principalmente de escolhas. Aff… Chorei litros, que fase!

A história tem como base a amizade desde a infância de Alex e Rosie, mostrando todas as fases de suas vidas e as escolhas que os deixam distantes um do outro. É fácil perceber que eles são apaixonados um pelo outro, mas também é perceptível que eles não conseguem enxergar este sentimento no outro.

A vida vai passando e o amor é cada vez maior e a distância também. O meu pesamento durante a leitura era só um, quando eles vão perceber? 

Apesar de vários amigo acharem o final decepcionante, não consigo pensar assim, amei o final. Sinto que o amor pode acontecer em qualquer momento da vida. Não há regras para amar. O amor só pode ser pleno no momento que os dois estão preparados para vivenciá-lo.

RECOMENDADÍSSIMO!!! 



Contra Capa:

O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.  



Sinopse:

Você acha que é possível existir amizade verdadeira entre um homem e uma mulher?

O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para a outra simplesmente não conseguem ficar juntas?

Desde crianças, Rosie e Alex viviam juntos. Todo mundo achava que eles tinham nascido para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família de Dublin para os Estados Unidos.

Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de e-mails, mensagens de textos, cartas, cartões-postais... Ele se tornou um cirurgião renomado... Ela continua correndo atrás do sonho de trabalhar em um hotel luxuoso. Os desencontros, as circunstâncias e uma absurda falta de sorte os mantiveram longe um do outro – até agora.

Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.

Resta saber se eles vão ter coragem de apostar tudo, inclusive a própria amizade que os une, num amor para a vida inteira. Que tipo de surpresa o destino reserva para eles desta vez?

Cecelia Ahern nos presenteia com outra de suas histórias de amor mais do que possíveis, mas não por isso menos mágicas... Os personagens de Simplesmente Acontece são cativantes e supercomuns – e é justamente por isso que torcemos tanto para que sejam felizes. As lições deste livro? A vida passa rápido, e alguns erros, mesmo que pareçam bobos, podem carregar você para longe da felicidade.
sábado, 11 de fevereiro de 2017
Título original: Bluebird Winters 
Título: Pequeno Milagre 
Autor: Linda Howard 
Tradução: Gracinda Vasconcellos 
Série: Spencer-Nyle Co. 03
Editora: Harlequin 
Ano: 2015
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Para entender a profundidade do caráter e da personalidade de Derek é necessário ler o primeiro livro da série. Lá vamos perceber que aquele garoto de 15 anos já era fora do comum,  maravilhoso e perfeito com tão pouca idade. 

Adulto ele consegue se superar, entendo que parece bizarro a decisão tão apressada e conclusiva de que Kathleen deveria ser dele para sempre. Vou repetir, para entendê-lo o homem é necessário conhecer o garoto.

Desde de sempre as intenções de Derek sempre tiveram o objetivo de fazer com que as pessoas ao seu redor se sentissem confortáveis e felizes, assim ele também poderia ser feliz. Agora, já um homem ele não mudou muito, continua querendo ser feliz desde que outros sejam felizes também.

Coitada da Kathleen não estava preparada para um homem como ele, além do mais, para uma mulher que nunca foi amada, fica difícil entender e perceber o que um homem como Derek sente por ela. 

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Pequeno Milagre 
Linda Howard

Grávida e sozinha durante uma nevasca, Kathleen Fields se vê em apuros ao entrar em trabalho de parto prematuramente no dia de Natal. Ao se arriscar pela perigosa rodovia a fim de chegar ao pronto-socorro, fica presa e logo perde as esperanças de salvar o bebê! Até que um milagre acontece quando o médico Derek Taliferro aparece inesperadamente. Juntos, trazem a filha de Kathleen ao mundo. E descobrem que o amor é o maior presente de todos...   

Quem sou eu

Minha foto

Sou Jornalista, artesã, corredora(pelo menos tô começando), leitora fanática..., mas tem a cara de pau de achar que ainda pode dar conta de um blog, acredita?

Facebook

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquise no blog

Meus livros no Skoob

Instagram

Popular Posts

Goodreads

Adriana's books

This Calder Sky
5 of 5 stars
Os Donos da Terra Janet Dailey Isabel Paquet de Araripe A Saga da Família Calder 01 Record 1983 Já devo ter mencionado, em outra resenha de algum livro da Janet Dailey, mas é necessário reforçar. Os personagens que está autora cria são ...
The Unexpected Millionaire
5 of 5 stars
Inesperado Susan Mallery The Million Dollar Catch 02 Harlequin 2014 Meu Deus!!! Como não se apaixonar por Willow? Impossível, é uma personagem cativante, hilária, espertinha, carinhosa e solidária. Não é atoa que Kane se apaixona d...
Das Kartengeheimnis
5 of 5 stars
O Dia do Curinga Jostein Gaarder Cia. Das Letras Ano: 1999 Já vou avisando, qualquer exagero, disparate, heresia ou algo que valha; escrito por mim nesta resenha, não pode ser classificado com absurdo, ok? Porquê? Muito simples. Sou ...
1808
5 of 5 stars
1808 Laurentino Gomes Planeta 2009 Apesar de estar ligado à história, Laurentino Gomes não é historiador ou biografo. Ele é jornalista. Por isso, talvez, posso dizer que este livro tem uma linguagem e uma compreensão dinâmica. Com mu...
Dance to the Piper
5 of 5 stars
Maddy Nora Roberts Os OHurley 02 Harlequin 2014 Não há dúvidas que Maddy é a mais maluquinha das trigêmeas. Identifiquei-me com muito com ela. É uma pessoa positiva, sem medo de arriscar e encarar o desconhecido. Quando se apaixona...

goodreads.com

Translate

Follow by Email