segunda-feira, 27 de novembro de 2017
Título original: Robinson Crusoe
Título: Robinson Crusoé
Autor: Daniel Defoe
Tradução e Adaptação: Marcia Kupstas
Ilustrações Alexandre Camanho
Editora: FTD
Ano: 2003
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

O romance foi originalmente publicado em 1719, na Inglaterra, onde Robinson Crusoé conta sobre sua aventura e o naufrágio que o leva a passar 28 anos em uma ilha, supostamente próxima a Trinidad. Onde o náufrago encontra rebeldes, canibais, cativos antes de ser resgatado.

Muitos especialistas acreditam que esse romance seja o primeiro na língua inglesa, o texto foi publicado originalmente no formato de folhetim no jornal, The Daily Post.

A grande questão relevante do livro é a solidão prolongada e intensa do personagem, mesmo sendo privado de tudo e de todos que conhecia, ele não é levado à loucura, o que é muito me surpreende, pois se tivesse na mesma situação entraria em desespero e ficaria completamente louca.

Mas Robinson se mantém, como um bom cristão ele sobrevive. Mas com o passar do tempo alguns personagens entram em seu mundo, 28 anos é muito tempo para ficar sozinho, com a chegada destas pessoas sua permanência na ilha foi totalmente suportável.

O que fazer? Clássicos são clássicos!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

GRANDES LEITURAS 
Clássicos Universais  

“...A figura de Robinson
Crusoé se tornou
praticamente um mito
da cultura moderna.
Mesmo quem nunca leu
Robinson Crusoé, ou nenhuma
de suas versões, já deve 
alguma vez ter sonhado,
de olhos abertos, viver a
aventura do náufrago solitário
que, graças a suas virtudes
morais e humanas, numa
terra até então intocada 
pelos males da sociedade,
praticamente recriou
o Paraíso.”

LUIZ ANTONIO AGUIAR  



Apresentação:

A SOLIDÃO é um dos sentimentos mais assustadores para muitas pessoas. Talvez por isso a ideia de um náufrago que  passa mais de duas décadas sozinho numa ilha - e sobrevive com dignidade - seja uma fantasia maravilhosa para todos nós, pois nos reconforta desse medo.

Há dois momentos marcantes em Robinson Crusoé e confesso que prefiro o primeiro: a estadia solitária de Robinson encontrando forças em si mesmo para não só sobreviver, mas edificar uma vida saudável, com conforto, fé e coragem. E outro momento, quando a personagem revela seu lado de colonizador típico do século XVII e crê que Deus pôs o mundo a serviço desse homem branco europeu.

Seja visto como o retrato solitário do homem que reúne forças para superar a si mesmo e à natureza, seja como um fascinante exemplo da mentalidade de uma época, Robinson Crusoé é um dos mais importantes livros da literatura mundial e merece ser conhecido por todos.

0 comentários:

Quem sou eu

Minha foto

Sou Jornalista, artesã, corredora(pelo menos tô começando), leitora fanática..., mas tem a cara de pau de achar que ainda pode dar conta de um blog, acredita?

Facebook

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquise no blog

Meus livros no Skoob

Instagram

Popular Posts

Goodreads

Adriana's books

This Calder Sky
5 of 5 stars
Os Donos da Terra Janet Dailey Isabel Paquet de Araripe A Saga da Família Calder 01 Record 1983 Já devo ter mencionado, em outra resenha de algum livro da Janet Dailey, mas é necessário reforçar. Os personagens que está autora cria são ...
The Unexpected Millionaire
5 of 5 stars
Inesperado Susan Mallery The Million Dollar Catch 02 Harlequin 2014 Meu Deus!!! Como não se apaixonar por Willow? Impossível, é uma personagem cativante, hilária, espertinha, carinhosa e solidária. Não é atoa que Kane se apaixona d...
Das Kartengeheimnis
5 of 5 stars
O Dia do Curinga Jostein Gaarder Cia. Das Letras Ano: 1999 Já vou avisando, qualquer exagero, disparate, heresia ou algo que valha; escrito por mim nesta resenha, não pode ser classificado com absurdo, ok? Porquê? Muito simples. Sou ...
1808
5 of 5 stars
1808 Laurentino Gomes Planeta 2009 Apesar de estar ligado à história, Laurentino Gomes não é historiador ou biografo. Ele é jornalista. Por isso, talvez, posso dizer que este livro tem uma linguagem e uma compreensão dinâmica. Com mu...
Dance to the Piper
5 of 5 stars
Maddy Nora Roberts Os OHurley 02 Harlequin 2014 Não há dúvidas que Maddy é a mais maluquinha das trigêmeas. Identifiquei-me com muito com ela. É uma pessoa positiva, sem medo de arriscar e encarar o desconhecido. Quando se apaixona...

goodreads.com

Translate

Follow by Email