segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016
Título original: Lady Chatterley’s Lover
Título: O Amante de Lady Chatterley
Autor: D.H. Lawrence
Tradução: Glória Regina Loreto Sampaio
Editora: Abril
Ano: 2004
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Não há dúvida que foi o livro mais ousado editado no fim da década de 20. Uma grande patada aos bons costumes da hipócrita sociedade inglesa. O autor expõem de forma clara e precisa assuntos como sexo, casamento infeliz, misturas de classes através do desejo e da atração física e faz um paralelo interessante sobre a vida rural e na cidade.

A Lady do título vive um casamento sem graça, sem paixão, sem sexo, sem afinidades, com um aristocrata e ex-comandante de guerra ferido que ficou paraplégico. Um homem egoísta e hipócrita.

Ao se envolver com um serviçal, a Lady em questão, desperta para vida. Seu corpo a muito adormecido, acorda e tem desejos, sente necessidades físicas, emocionais e claro luxuria. E todo esse “calor” faz com que a moça se sinta viva, inteira, bonita, amada e com esperança de uma vida mais significativa.

A ousadia foi tanta para época, que as cenas de sexo eram tão explicitas e descritas de forma tão precisa, que foram censuras na Inglaterra e Estados Unidos durante décadas. O texto integral só foi lançado na década de 60, quase quarenta anos depois.

É obvio que a questão não foi só o sexo, mas principalmente os assuntos que fervilhavam na época, como a modernização geral, os objetos e a alma humana, Era muita informação e os críticos e as autoridades ficaram assustadas e por isso mutilaram essa obra durante década. 

Não se pode esquecer de mencionar a boa descrição de sentimentos e do psicológico de cada personagem, assim sendo o leitor pode compreender com mais clareza as reações dos mesmos. D.H. Lawrence soube se fazer entender, não só pela ousadia, mas principalmente por desmascarar a certinha sociedade inglesa que sempre viveu de aparências.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!  



Contra Capa:


Instigante, escandaloso, arrebatador. O mais célebre romance do escritor inglês D.H. Lawrende (1885-1930) narra a paixão intensa e proibida entre lady Constance Chatterley e o guarda-caça Oliver Mellors, na Inglaterra conservadora do início do século 20. Constance é casada com sir Clifford Chatterley, um aristocrata inválido e… impotente. Insatisfeita com seu casamento, a bela Constance torna-se amante do rude Mellors, que trabalha para seu marido. A narrativa crua e explícita do amor carnal entre a patroa e empregado chocou os críticos da época. Publicado em 1928, O Amante de Lady Chatterley foi proibido na Inglaterra e nos Estados Unidos, sob a acusação de pornografia. Foi redescoberto na década de 1960, quando seu valor literário foi enfim reconhecido e Lawrence se tornou um dos ícones da contracultura, ao lado dos beatniks, da liberdade sexual, das drogas e do rock’n’roll.

0 comentários:

Quem sou eu

Minha foto

Sou Jornalista, artesã, corredora(pelo menos tô começando), leitora fanática..., mas tem a cara de pau de achar que ainda pode dar conta de um blog, acredita?

Facebook

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquise no blog

Meus livros no Skoob

Instagram

Popular Posts

Goodreads

Adriana's books

This Calder Sky
5 of 5 stars
Os Donos da Terra Janet Dailey Isabel Paquet de Araripe A Saga da Família Calder 01 Record 1983 Já devo ter mencionado, em outra resenha de algum livro da Janet Dailey, mas é necessário reforçar. Os personagens que está autora cria são ...
The Unexpected Millionaire
5 of 5 stars
Inesperado Susan Mallery The Million Dollar Catch 02 Harlequin 2014 Meu Deus!!! Como não se apaixonar por Willow? Impossível, é uma personagem cativante, hilária, espertinha, carinhosa e solidária. Não é atoa que Kane se apaixona d...
Das Kartengeheimnis
5 of 5 stars
O Dia do Curinga Jostein Gaarder Cia. Das Letras Ano: 1999 Já vou avisando, qualquer exagero, disparate, heresia ou algo que valha; escrito por mim nesta resenha, não pode ser classificado com absurdo, ok? Porquê? Muito simples. Sou ...
1808
5 of 5 stars
1808 Laurentino Gomes Planeta 2009 Apesar de estar ligado à história, Laurentino Gomes não é historiador ou biografo. Ele é jornalista. Por isso, talvez, posso dizer que este livro tem uma linguagem e uma compreensão dinâmica. Com mu...
Dance to the Piper
5 of 5 stars
Maddy Nora Roberts Os OHurley 02 Harlequin 2014 Não há dúvidas que Maddy é a mais maluquinha das trigêmeas. Identifiquei-me com muito com ela. É uma pessoa positiva, sem medo de arriscar e encarar o desconhecido. Quando se apaixona...

goodreads.com

Translate

Follow by Email